Quem dirige caminhões há muito tempo, sabe que não é tarefa fácil. Afinal, principalmente se essa é a sua profissão, a rotina é cansativa e às vezes até estressante devido as centenas de quilômetros percorridos dia e noite, a ausência da família, e o prazo de entrega da mercadoria. Além de o caminhoneiro precisar estar atento, tem de saber dirigir com responsabilidade.

Independentemente do tamanho do caminhão, é preciso fazer manutenção periodicamente para que não haja nenhum problema durante a direção.

Outro fato que deve ser notado é o cuidado para com o baú. Então, hoje, você conhecerá quais são os cuidados para se ter com essa parte tão importante, já que é responsável pela carga do produto ou mercadoria.

Algumas observações

  • O primeiro item que você tem de atentar é o limite de carga e volume. Para que o peso esteja equilibrado, é necessário seguir as regras para não tomar multa ou não conseguir passar pela ‘pesagem’;
  • Antes de iniciar qualquer viagem, sempre é recomendável que verifique alguns itens do baú: fixadores, grampos e borrachas das portas;
  • A limpeza deve ser feita periodicamente, para que o baú não estrague as próximas mercadorias. Limpando o baú, é interessante notar se há algum tipo de vazamento. Se houver, será necessária a vedação ou a troca.

Prevenção

O caminhoneiro tem de estar preparado para possíveis imprevistos e ocasiões, por isso é preciso ter alguns itens para realizar reparos rápidos e evitar a perda de tempo na carga e descarga. Os itens que ajudam na manutenção e reparo, além do cuidado do baú são:

  • Caixa de Ferramentas;
  • Cones de Sinalização (caso tenha que parar e verificar a carga);
  • Cordas para amarrar a carga, se necessário;
  • Levanta fio, entre outros.

Cuidados extras

Um dos itens a que poucas pessoas ficam atentas é o planejamento da rota que será utilizado. O caminhoneiro precisa passar por centros urbanos e cidades grandes, devendo conhecer, de forma mais ou menos aprofundada, o trajeto de ruas e avenidas nas quais é permitido o tráfego de caminhões; além de conhecer rotas alternativas que não danifiquem o baú, como é o caso de ruas estreitas, pontes e postes de fios baixos.

Portanto, justamente por estar dirigindo um caminhão com carga, não conseguirá trafegar por qualquer tipo de via.

Carga e Descarga

A ação mais rotineira do caminhão é passar pela carga e descarga. Além de ter que estacionar em local permitido para não prejudicar o trânsito e, consequentemente, a comunidade local, o baú pode ser danificado pelas empilhadeiras. A pessoa que estiver operando o mecanismo pode danificar os lados e a frente do baú, se não tiver cuidado com essa lataria, levando a arranhões e alguns amassados, desvalorizando o aspecto físico do caminhão por inteiro. Então, é preciso estar atento e informar aos descarregadores e carregadores a esses cuidados para total prevenção.

O baú do caminhão deve ser bem cuidado para que seja possível realizar diversas viagens sem precisar de manutenção. Afinal, lembre-se: quanto maior for o cuidado, menor é o tempo gasto na reparação e limpeza. O objetivo é prolongar a vida útil e dirigir com responsabilidade pelas cidades e estradas Brasil afora!